6 de abr de 2006

A noite sempre vem


Gosto da noite. Mas não só para dormir, embora aprecie uma boa noite de sono. Ela chega como uma recompensa pelo dia de trabalho, pela correria pra não se chegar atrasada nos compromissos diurnos, pra se dar conta das tarefas dentro do possível. Também é a noite que tenho a chance de fazer uma leitura agradável, navegar na internet, assistir à televisão... Deve ser por isso que sempre vou dormir tão tarde. A foto ao lado é um pouco antiga. A lua me convidou a olhar pela janela. Aceitei.

3 comentários:

Bento Paraguaçu disse...

Uma lua bem convidativa, assim como os seus textos...Também aceito!
Abraço

Zeca disse...

Concordo que a noite seja bastante propícia para as coisas que você mencionou; mas gosto muito de dormir cedo (não muito! Lá pelas 11, 11:30 tá bom.) e acordar cedo, com direito a mais uma cochiladinha, uma gostosa espreguiçada e uma boa chuveirada pra despertar. Mas o convite dessa lua, principalmente em boa companhia... é irrecusável.

Moacir Caetano disse...

Adoro a noite...
Embora prefira o sol à lua...
paradoxo que até hoje não entendi!