30 de nov de 2010

O inquieto Carpinejar

IMG_7233
Fabrício Carpinejar leu uma de suas poesias na Bienal do Livro

















Fabrício Carpinejar é um cronista que tira de seu cotidiano motivos pra rir, mesmo que inicialmente a vontade dele seja de esbravejar com quem está ao seu redor. O homem também escreve poesia e por esta habilidade foi convidado a falar sobre “Poesia contemporânea” na VI Bienal do Livro de Campos, no dia 14 de novembro/2010, quando dividiu espaço com o poeta Artur Gomes.

Quem quiser acompahar o escritor, que este ano lançou o livro ‘Mulher Perdigueira”, pode ver seu blog em www.carpinejar.blogspot.com .

Curiosa, indaguei Carpinejar sobre a neutralidade de sua roupa (sem muita cor, mais discreta que em outras ocasiões). Ele simplesmente disse que gosta de surpreender. E me surpreendeu. Dele eu li “Canalha!”, livro que ano passado ganhou o prêmio Jabuti na categoria crônica.

IMG_7225
O poeta Artur Gomes na Bienal do Livro
IMG_7239
Fátima Nascimento e Fabrício Carpinejar

2 comentários:

Cacá disse...

Ele é um dos melhores cronistas desse nosso Brasil na atualidade. Acompanho o blog dele tambémm.

Obrigado, Fátima pelo seu incansável trabalho de divulgar a nossa boa literatura. Abraços. Paz e bem.

Fátima Nascimento disse...

Cacá, foi pelo blog do Carpinejar que cheguei em seu blog. Tb gosto do estilo dele. Paz!