29 de out de 2010

Decisão

quero-te longe
porque perto
não te alcanço todo

quero-te fora
porque dentro
vacila

queria-te sempre
quero-me ainda
(isso não muda)

Fátima Nascimento

2 comentários:

aluisio martins disse...

quereres... nunca, graças, devidamente satisfeitos, mas feitos com virtudes e defeitos de ser gente que sente...
abs

Fátima Nascimento disse...

Aluisio, essa vida é uma sucessão de erros e acertos; desejos e realizações... Vamos aprendendo. Abs.