Registro: eleição em Campos

Embora tenhamos saído de uma eleição municipal no domingo 12, em Campos, não gostaria de falar sobre política. Mas não dá pra fugir do tema. Ainda não acabou. Vem aí o segundo turno em 26 de março. Eleitores preparam-se pra um novo embate e outros ainda tentam entender o que aconteceu. Parece que a lição não foi assimilada ou há um imenso prazer em ser rebelde. Já começo a achar que somente no final de 2008, ao final de um mandato, esta história de instabilidade no governo terá um fim.

Não me chamem pessimista. Mas somente o tempo vai responder. Quem acompanhou pela mídia a cobertura das eleições em Campos/RJ (12/03), sabe que houve denúncias de compra de votos. A Polícia Federal ouviu algumas pessoas suspeitas de crime eleitoral. Há fatos a apurar e esclarecer.

Também pelo que se ouviu, um dos partidos está disposto a pedir a anulação dos votos recebidos por um candidato de sigla adversária que passou para o segundo turno. Daí a suposição de que o fim não está próximo. Sem falar que há ainda pendência judicial quanto à eleição de 2004.

Em tempo: a eleição para prefeito que ocorreu em 2004 foi anulada devido a compra de votos e utilização de programas de governos em prol de campanhas. Por isso foi realizada nova eleição.

Quem quiser mais informações sobre a última eleição, inclusive nº de votos e candidatos que concorreram, recomendo o blog de Roberto Moraes, que sugere também outros links interessantes para acompanhamento do episódio. Veja !

Comentários

Alvaro disse…
Muito boa reportagem.

Postagens mais visitadas