29 de mar de 2006

"Perdas & Ganhos"

Gosto desta foto que tirei há mais ou menos dois anos numa partida da seleção brasileira de basquete. É só olhar pra feição dos "personagens", observar seus gestos... Todos desejavam ser vitoriosos. Mas a vitória de um time é a derrota do outro. Assim também é a vida dia-a-dia. Nem sempre ganhamos. Nem sempre merecemos ganhar. O outro pode estar precisando mais, pode ter se empenhado mais. Mas o legal é não perder a auto-estima, a fé. Se não foi desta vez, quem sabe amanhã.

Lya Luft, escritora que admiro, diz que "o grande pessimista colhe todas as notícias ruins do jornal e manda aos amigos cada manhã; acha que o ser humano não presta mesmo, o mundo é mero palco de guerras e corrupção. O excessivamente otimista acha que a realidade é a das telenovelas e dos sonhos adolescentes, das modas, das revistas (...). O sensato (não o sem graça, não o chato) sabe que o ser humano não é grande coisa, mas gosta dele; que a vida é luta, mas quer vivê-la bem; que existem - além de injustiça, traição e sofrimento - beleza e afeto e momentos de esplendor. Que se pode confiar sem ser a todo momento traído por quem se ama" (trecho de Perdas e Ganhos).

O que acha?

4 comentários:

Moacir Caetano disse...

Concordo em gênero, número e grau...
Carpe Diem...

Bento Paraguaçu disse...

A justiça, em si, não tem nenhum compromisso ou relação com os fatos.A sua força está na moral, no "Não foi desta vez, quem sabe amanhã", exatamente na promessa da colheita do que foi plantado - Uma questão de justiça. A sensação de injustiça nos priva do deleite da auto-estima, nos condena a eterna desesperança e ao juízo do acaso. Pessimista ou Otimista? Otimista ou Pessimista? Sensatos não existem, vivem de aparências...São pessimistas pró-ativos, sofrem duas vezes...

neilima disse...

Querida Fatinha!
É claro que você pode copiar as minhas imagens. Sei que você terá o cuidado de me dar o crédito, já que é uma profissional da área de jornalismo, conhecendo bem os nossos direitos.
Eu me sentirei lisonjeado e agradecido por que você estará ajudando a divulgar mais o meu trabalho, que tem também um cunho jornalístico. ABUSE E USE!
Neijocas nas bochechas!

Jefferson de Souza disse...

(Self-help...)

Olá, Fátima!
Queria te agradecer pelo feedback que vc me deixou no EscúchamePorra!

Medo da Realidade? É isso que vc acha que eu tenho?
Pois vc está certa! Tenho medo dessa baranga, sim!